Atualidade

atualidade@familiasdecana.pt

Papa apela à vigilância em tempo de Advento

Share on FacebookTweet about this on TwitterEmail this to someonePrint this page

O Papa Francisco apelou este domingo, dia 3, à vigilância por parte dos católicos, agora que começa o Advento, as quatro semanas que antecedem a celebração do Natal.

Falando no Vaticano, durante a oração do Ângelus, Francisco disse que a “a pessoa vigilante é aquela que acolhe o convite a vigiar, isto é, de não se deixar dominar pelo sono do desânimo, da falta de esperança, da desilusão”.

Ao mesmo tempo, diz o Papa, é necessário rejeitar “a solicitação das muitas vaidades que transbordam no mundo e às quais, por vezes, se rendem sacrifícios de tempo e serenidade pessoal e familiar.”

“É esta a experiência dolorosa do povo de Israel, contada pelo profeta Isaías: Deus parecia ter deixado o seu povo afastar-se dos seus caminhos, mas isso era um efeito da infidelidade desse mesmo povo. Também nós nos encontramos frequentemente nesta situação de infidelidade ao chamamento do Senhor: Ele indica o bom caminho, o caminho da fé e do amor, mas nós procuramos a nossa felicidade noutro lado”, disse Francisco.

O Papa apelou à ajuda de Nossa Senhora para guiar os fiéis até Jesus. “A atenção e a vigilância são os pressupostos para não continuar afastado dos caminhos do Senhor, perdidos nos nossos pecados e na nossa infidelidade; são as condições para permitir que Deus irrompa na nossa existência, restituindo-lhe significado e valor com a sua presença plena de bondade e de ternura. Maria Santíssima, modelo de esperança no Senhor e ícone da vigilância, nos guie ao encontro do seu Filho Jesus, reavivando o nosso amor por Ele.”

Fonte: Renascença

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *