O Papa na Irlanda, o Encontro Mundial de Famílias e os mass media

Sábado de manhã. O Papa Francisco aterra na Irlanda, terra natal do Niall. Entusiasmado, o Niall liga o computador e, pela internet, sem filtros nem comentadores, assistimos em direto a todo o dia do Papa, um dia cheio de encontros, discursos, caminhos. Com as imagens e os sons por fundo, vamos fazendo as nossas tarefas domésticas. Os nossos filhos sabem que o dia é especial, e por isso, há uma exceção muito bela a justificar o ecrã ligado durante a nossa refeição, coincidindo com os discursos do Primeiro Ministro irlandês e do Papa. O Niall sorri, feliz, e de vez(…)

Ler mais

“Alegrai-vos e Exultai”: Papa divulga exortação dedicada à santidade

O Papa vai publicar uma exortação apostólica dedicada à “santidade no mundo contemporâneo”, anunciou a Santa Sé, esta quinta-feira, confirmando aquilo que já tinha avançado a Renascença ainda antes da Páscoa O documento, intitulado “Gaudete et Exsultate” – Alegrai-vos e Exultai -, chega ao público na próxima segunda-feira. Durante o seu pontificado, iniciado em março de 2013, o Papa já canonizou 880 novos santos, incluindo Francisco e Jacinta Marto, bem como os sacerdotes José Vaz e Ambrósio Ferro, portugueses. Em setembro de 2016, Francisco canonizou a Madre Teresa de Calcutá (1910-1997), que apresentou como “modelo de santidade” para o mundo(…)

Ler mais

Monges assassinados na Argélia estão a caminho da beatificação

Os sete monges trapistas assassinados na Argélia na década de 90, que inspiraram o filme “Dos homens e dos deuses”, estão a caminho da beatificação. O Papa Francisco assinou este sábado o decreto que reconhece o martírio, de acordo com a Santa Sé. O documento que marca o início ao processo de beatificação também incluiu o monsenhor Pierre Claverie e outros 11 monges e freiras foram “mortos por ódio à fé na Argélia, entre 1994 e 1996”. Os sete monges trapistas foram assassinatos em 1996 no mosteiro de Tibhirine, nos arredores da cidade de Medea, a 90 quilómetros da capital(…)

Ler mais

Papa: “Para se ver a estrela que leva a Jesus, há que ter os olhos postos no céu”

Na homilia do dia da Epifania, este sábado, o Papa recordou que a estrela de Deus está “sempre presente”, mas há quem prefira seguir “estrelas cadentes” que, em vez de orientar, despistam. O Papa Francisco celebrou este sábado em Roma a missa da Epifania, a solenidade em que se assinala a primeira manifestação pública da divindade de Jesus, narrada nos Evangelhos como a visita à gruta, em Belém, de pastores e de magos vindos do oriente, que ficaram popularmente conhecidos como os Reis Magos. Nos Evangelhos está escrito que os magos seguiram uma estrela, que os encaminhou para Belém, na(…)

Ler mais

Papa apela à vigilância em tempo de Advento

O Papa Francisco apelou este domingo, dia 3, à vigilância por parte dos católicos, agora que começa o Advento, as quatro semanas que antecedem a celebração do Natal. Falando no Vaticano, durante a oração do Ângelus, Francisco disse que a “a pessoa vigilante é aquela que acolhe o convite a vigiar, isto é, de não se deixar dominar pelo sono do desânimo, da falta de esperança, da desilusão”. Ao mesmo tempo, diz o Papa, é necessário rejeitar “a solicitação das muitas vaidades que transbordam no mundo e às quais, por vezes, se rendem sacrifícios de tempo e serenidade pessoal e(…)

Ler mais