Perdoar é difícil…

Testemunho da Isabel Marantes A propósito de um post recente que a Teresa escreveu com o título: “Amar os inimigos”, fiquei a pensar: Mas porque é que é tão difícil perdoar, mesmo os nossos amigos ou mesmo aqueles que vivem dentro da nossa própria casa? Às vezes até desculpar aquele que não fez de propósito, mas causou-nos danos, não é fácil ou, pelo menos, não o conseguimos fazer imediatamente…quanto mais amarmos os nossos inimigos… Penso que a grande resistência ao perdão começa no nosso orgulho, no acharmos que temos sempre razão e que conhecemos bem todas as circunstâncias e intenções(…)

Ler mais

Domingo de Ramos

Reflexão semanal, escrita pela Teresa, sobre as leituras do domingo seguinte, publicada no jornal diocesano Correio do Vouga DOIS OLHARES QUE SE CRUZAM COM JESUS Hossana! De ramos no ar, acolhemos o Cristo que vem montado num jumentinho, humilde e manso de Coração. Mas a festa não dura muito: em poucas linhas, numa vertigem crescente, as Escrituras atiram-nos para a tragédia mais terrível da História: matámos o Salvador! “Meu Deus, porque me abandonastes?” Grita Jesus, e gritamos nós, neste mundo entregue ao poder das trevas. É a hora da morte. E paradoxalmente, a hora da Vida… Sentados à mesa com(…)

Ler mais

A lição do perdão

Muitas coisas me tocaram durante toda a operação de resgate dos meninos da Tailândia. Tocou-me a serenidade, a gratidão e a paciência contínuas dos adolescentes, tocou-me a ausência de ataques de pânico. Tocou-me a prontidão da ajuda internacional, a rede de oração mundial, o voluntariado intenso. Viveram-se momentos raros de compaixão à escala mundial, que não deverão ser esquecidos. Mas houve um ponto em particular que me tocou: Quando se descobriu que os meninos estavam encurralados na gruta por culpa do treinador, a maior parte dos comentários à minha volta, neste cantinho ocidental onde vivemos, foi semelhante: “O rapaz deve(…)

Ler mais

O pecado que se torna cinza

Procuram uma actividade de evangelização, muito fácil e simples, para as crianças em preparação para a Primeira Comunhão? Sim? Então chegaram à página certa! 🙂   Esta actividade foi-nos enviada pela Diana Cruz, catequista em Cantanhede, propondo-nos uma actividade a ser desenvolvida por ocasião da Primeira Confissão dum grupo de crianças. Para esta actividade é apenas necessário uma folha de papel e uma caneta por cada criança e um recipiente transparente que aguente bem o calor das chamas.   Antes da confissão, a criança deve escrever na folha os seus pecados, dobrando-a e guardo-a depois junto de si. Seguidamente, dirige-se(…)

Ler mais

A misericórdia em casal

Aqui há uns tempos, ao abrir a caixa do correio, deparei-me com um aviso para levantar uma carta registada. Estava em nome do Niall, embora ele não fizesse a menor ideia do que se tratasse. Assim, no dia seguinte, fui aos correios com o impresso e levantei a carta. Vinha da Direção Geral de Viação. «Outra!» Pensei, assustada. Abri devagar, sem pressa… Sim, lá dentro estava uma multa de 120 euros para pagar, por excesso de velocidade. Outra, sim. E de novo, como a primeira, em nome do Niall, pois a carrinha de sete lugares, que eu conduzo, está em(…)

Ler mais