As nossas cavernas

Era uma caverna, eram treze jovens. Mas durante quinze dias, era o mundo inteiro, eram todos os nossos filhos. Na Rússia, o Mundial, com as suas equipas profissionais e bem treinadas, apelava a nacionalismos, entre lágrimas e risos. Na Tailândia, uma outra equipa de futebol, pobre e desconhecida, apelava à nossa solidariedade, entre lágrimas e, por fim, muitos risos sentidos. Foram quinze dias que nos fizeram sofrer. Acordar de manhã e os meninos a perguntar: “Já saiu alguém da gruta?” Chegar à praia, dar um mergulho e os meninos a perguntar: “E agora, mamã, vê na net se já saiu(…)

Ler mais

Cáritas inicia peditório anual a favor dos mais carenciados

A partir desta quinta-feira e até ao próximo domingo, 4 de março, vai decorrer o habitual peditório da Cáritas Portuguesa. A Iniciativa está inserida no âmbito da Semana Nacional da Cáritas, que tem como tema “Uma só família humana, cuidar da casa comum” inspirado na encíclica “Laudato Si”, escrita pelo Papa Francisco. O dinheiro angariado durante estes quatro dias reverte “exclusivamente para atender as necessidades das famílias e pessoas que nas dioceses onde é feita essa recolha de donativos, ainda se encontrem em situação de necessitarem do nosso cuidado, na satisfação de necessidades tão básicas, como seja a alimentação, poderem(…)

Ler mais

Apenas o melhor

Um dia um voluntário perguntou a Tom Cornwell, membro do staff, se havia algum padrão relativamente àquilo que era comprado (para servir aos pobres nas Casas de Hospitalidade). “Claro”, replicou Tom. “Apenas o melhor, e o melhor não é demasiado bom para os pobres de Deus.” Fora esta a visão de Dorothy desde os primeiros dias: “Que maravilha sermos atrevidamente perdulários, ignorarmos o preço do café e continuarmos a servir bom café e pão do melhor à longa fila de miseráveis que nos procuram.” (Jim Forest, Tudo é Graça – a Revolução de Dorothy Day) “Os pobres não gostam de(…)

Ler mais

Bispo de Coimbra destina ofertório das celebrações para vítimas dos incêndios

O ofertório das celebrações dominicais nas comunidades católicas de Coimbra teve  como destino, este domingo, a ajuda às vitimas dos fogos do mês de outubro, através da Cáritas diocesana. “Ao vermos o panorama desolador de casas e empresas destruídas, de florestas queimadas, de rostos sem alegria e de homens e mulheres sem emprego e que lutam por manter a esperança, sentimos o apelo interior à solidariedade e à partilha do que somos e do que temos”, comentou o Bispo de Coimbra, D. Virgílio Antunes. Neste contexto, a “totalidade” do “ofertório das celebrações  “realizadas na diocese” no primeiro domingo de novembro(…)

Ler mais

Amizade e visitação

No primeiro dia de aulas na escola nova, iniciando o quarto ano, a Lúcia chegou a casa muito feliz: “Mamã, fiz novas amigas! Estou tão contente!” E no dia seguinte, quando a fui buscar às três e meia, olhou para mim desapontada: “Já? Não posso ficar só mais um bocadinho a brincar? Queria estar mais tempo com as minhas amigas…” No fim-de-semana, fomos juntas à casa da amiga, aqui no fim da rua, para a chamar a brincar em nossa casa e em Náturia, o descampado por detrás. Outra semana passou entretanto, e a alegria na escola, em casa e(…)

Ler mais