Em Caná da Galileia…



Gratidão

Num destes domingos participei numa missa de Primeira Comunhão, na Sé Catedral de uma cidade. A missa foi belíssima, as crianças estavam muitíssimo bem preparadas, o ambiente solene, os participantes vestidos a rigor, a música perfeita, enfim, tudo foi maravilhoso. Houve um único momento que me incomodou: durante a apresentação dos dons – toda ela muito bem organizada -, no momento em que as crianças apresentaram o dinheiro recolhido, o menino que lia o texto correspondente, no meio de muitos outros textos lindíssimos, leu: “Senhor, recebe estas ofertas materiais, um pouco do pouco que nós temos…” O primeiro “um pouco”(…)

Ler mais

As Seis Bilhas e o Divino Oleiro

Na manhã de sábado, o Niall e eu acordámos muito entusiasmados: estava na hora de ir comprar as seis bilhas de barro para o Canto de Caná. Graças à generosidade de uma querida leitora deste site, mãe de uma Família de Caná, tínhamos dinheiro para escolher à vontade as bilhas mais belas e mais perfeitas. Será que as iríamos encontrar? À beira da estrada nacional há uma loja de artigos artesanais em barro. Foi aí que nos dirigimos. Parámos o carro e percorremos o amplo espaço exterior, coberto de bilhas de toda a espécie e feitio. Mas nem todas eram(…)

Ler mais

O Terço diário, Fátima e as Famílias de Caná

Fátima tem agora um Terço gigante suspenso, diante da Basílica da Santíssima Trindade. Já ouvi todo o tipo de comentários sobre este Terço. Para uns, é lindíssimo, para outros, uma aberração. Em arte, cada um pode ter a sua opinião e todos sabemos que gostos não se discutem. Mas o Terço, em Fátima, não é arte. O Terço pertence ao centro da mensagem de Fátima, por muitas voltas que queiramos dar a esta mensagem. Vamos aprofundando as palavras e as visões oferecidas por Nossa Senhora, vamos tomando consciência de tudo quanto Maria nos quis e quer transmitir, e ainda bem.(…)

Ler mais

Compromisso

Eu, _____________ comprometo-me a desejar e a empenhar-me em alcançar a santidade segundo o carisma, a espiritualidade e a missão das Famílias de Caná. Com a graça de Deus e por intercessão de Nossa Senhora Auxiliadora, Mãe de Caná, comprometo-me a: – dar a Deus o primeiro lugar, celebrando o Banquete do Reino, as Bodas de Caná, todos os dias com a minha família, em especial à hora da refeição e da oração familiares, e todos os domingos com a família dos filhos de Deus, na grande festa da Eucaristia; – celebrar a fé na família, na paróquia e em(…)

Ler mais

Tempo de Casal em jeito de retiro

“Está, Teresa? Acabo de aterrar em Lisboa. Devo chegar a casa pelas seis da tarde!” O Niall ligava-me do aeroporto, depois de mais uma das suas frequentes viagens de dois ou três dias ao estrangeiro. Mas eu não estava em casa… “Niall, eu estou em Fátima! Sim, foi hoje a entrevista. Porque não páras aqui, e namoramos um bocadinho?” Há muito que Fátima se tornou local de namoro para nós. Afinal, não foi em Fátima que nos casámos, há vinte anos atrás? “Ena, estás a falar a sério? Vou já para aí.” Quando surgiu o convite para estar em Fátima(…)

Ler mais