Em Caná da Galileia…



À sombra do Santuário#1

Mas tu, Belém-Efrata, tão pequena entre as famílias de Judá, é de ti que me há de sair aquele que governará em Israel. (Mq 5, 1) Quando eu era criança, e depois adolescente, jovem e jovem adulta, passava muitas vezes de comboio na linha norte, entre Aveiro e Coimbra. Como não sou destes lados, mas do interior, de Castelo Branco, desta linha norte conhecia apenas isso mesmo: Aveiro e Coimbra. Das povoações situadas entre as duas cidades apenas sabia o nome, escrito a letras gordas em letreiros nas estações e nos apeadeiros da linha. E era próximo de uma dessas(…)

Ler mais

O vídeo do Retiro Pré-Compromisso

Ainda se lembram do belíssimo retiro que fizemos no passado dia 10 de setembro? Claro que sim… Para muitos, foi um momento de viragem na vida. Para todos, um reencontro com o Senhor, que Se nos ofereceu todo na Palavra, na Eucaristia, na música, na brincadeira familiar… Faltava o vídeo para eternizar este momento. O Francisco acabou-o agora, e já está no nosso Canal oficial. Aqui fica também!  

Ler mais

Santa Teresinha, Fátima e novo ensinamento mensal

Hoje é dia da minha santa padroeira, Teresinha do Menino Jesus. Conheci Teresinha tinha eu dez anos, através do livro do Padre Januário dos Santos, “Amor sem Fronteiras”. Penso que foi a primeira história de santos que li, e o entusiasmo foi tal, que nunca mais parei. Anos mais tarde, descobri a autobiografia de Teresinha, “História de Uma Alma”. Partilhei a leitura desta sublime obra com o Niall, durante o nosso namoro, e no dia do nosso casamento, oferecemo-la simbolicamente no momento da apresentação dos dons. Teresinha e eu somos amigas há mais de trinta anos, e quase todos os(…)

Ler mais

A fé, a montanha, o sofrimento

“Não entendo uma coisa.” O Francisco interrompe o silêncio de todos, depois da leitura de mais um episódio das Memórias da Irmã Lúcia. “A partir do momento em que começaram as aparições, a vida da Lúcia não se tornou mais fácil, mas mais difícil!” De facto, acabávamos de ler a descrição de um rol de problemas com que a Lúcia se começou a debater a partir das aparições. Por fim, lemos este parágrafo: No seio da minha família havia ainda outro desgosto, de que eu era a culpada, como diziam. A Cova da Iria era uma propriedade pertencente a meus(…)

Ler mais

Memórias da Irmã Lúcia

Um destes dias, a Cláudia Duarte Sousa, mãe de uma belíssima Família de Caná que já deu o seu testemunho aqui, telefonou-me, muito entusiasmada, a dar notícias da sua caminhada familiar, o que ela costuma fazer com regularidade. E entre muitas coisas, disse-me que tinham decidido ocupar parte do seu Tempo de Família com a leitura das Memórias da Irmã Lúcia. Para sua grande surpresa, contou-me a Cláudia, era difícil saber quem estava a gostar mais da leitura, se os pais, se as filhas. “Grande ideia”, pensei para comigo. O meu livro das Memórias da Irmã Lúcia é muito velhinho,(…)

Ler mais