O Tomás, o Joaquim e a Comunidade

O Tomás nasceu na quarta-feira. O Joaquim nasceu no sábado seguinte. Quando é que eles se irão encontrar pela primeira vez? Na Eucaristia paroquial do domingo seguinte várias pessoas vêm ao encontro da restante família do Joaquim ao notar a ausência da mãe. Pois claro que se estão todos menos a mãe é porque a mãe está na maternidade, o que quer dizer que o Joaquim já nasceu! E todos se alegram com a novidade partilhando da alegria da família. Na quinta-feira seguinte é dia da Assunção de Nossa Senhora. Que melhor oportunidade para o Tomás e o Joaquim participarem(…)

Ler mais

O mistério da Alegria

Testemunho da Sónia Santos Quando rezo os mistérios da Alegria interrogo-me sempre sobre esta estranha alegria que a Igreja nos convida a contemplar. Dou-me conta de como a alegria nasce sempre depois ou envolta de uma grande angústia ou turbulência. Do medo que decorre do desconhecido, do que não podemos antecipar, do que Deus não nos conta quando nos pede alguma coisa. Sinais de Deus? Certezas? Passos seguros? Confiança? Providência divina? Quanta tentação pode existir no escrutínio da vontade de Deus para nós… Há 9 anos atrás preparávamos a celebração do nosso Matrimónio e a boda. Para a boda havia(…)

Ler mais

Apanhámos o comboio para a santidade em família!

Testemunho da família Miranda Santos Em resposta ao desafio da família Marantes para comemorar o aniversário dos primeiros compromissos de Famílias de Caná, aqui fica o nosso testemunho de conversão a este Movimento, que já estava em falta neste site há algum tempo. Como já partilhámos recentemente, a nossa missão matrimonial começou em 2010. Uma missão começada com muita confiança de que era a desejada por Deus para nós, mas ao mesmo tempo com muito pouco certeza de como se desempenhava. Por isso desde o início nos colocámos o mais possível flexíveis àquela “brisa” muito suave do Espírito que foi(…)

Ler mais

Sentir o sopro

Testemunho da família Miranda Santos: O Espírito Santo é realmente o rei da diversidade! Para além da panóplia de dons e frutos que nos concede, e que todos ficámos a saber bem ao recordá-los repetidamente nos últimos nove dias ao rezar a novena do Pentecostes, também se manifesta simbolicamente de diferentes formas, conforme nos diz a Bíblia, como uma pomba, como o fogo ou como um sopro. Na oração familiar de vigília do Pentecostes o fogo teve de ser controlado dentro de casa, com todas as velas que conseguimos encontrar, porque o vento não nos permitiu fazê-lo no exterior, ao(…)

Ler mais

A família e a abertura à vida

Testemunho da família Miranda Santos Vivemos esta semana a Semana da Vida e por isso resolvemos partilhar aqui como se desenrolou na nossa família a abertura à vida.Embora possa parecer o contrário, o essencial desta partilha não é sobre o número de filhos, porque isso diz respeito à realidade muito concreta de cada família, mas sim sobre como Deus consegue conduzir a nossa vida quando lhe damos esse espaço, de uma forma que não podemos prever. É a partilha de um caminho de discernimento trilhado em casal fruto da oração e da iluminação do Espírito. Para começar é preciso esclarecer(…)

Ler mais