Em Caná da Galileia...


Desafio: O Caminho de Emaús

No Caminho de Emaús, Jesus revelou-Se a dois discípulos como Aquele que veio cumprir as Escrituras. E depois de lhes deixar o coração a arder com os seus ensinamentos, manifestou-Se na Eucaristia.

O primeiro curso bíblico cristão da História aconteceu ao longo daqueles onze quilómetros – e nenhum dos dois tomou uma única nota! Que desperdício de tempo! Se os discípulos de Emaús tivessem tido um telemóvel com eles, podiam ter gravado alguma coisa…

Mas como não o fizeram, de toda aquela longa conversa ficou, para nós, o desafio: abramos as Escrituras e deixemos o coração arder, à medida que descobrimos nelas o Messias, desde o primeiro sopro do Génesis até à última trombeta do Apocalipse!

Querem fazer O Caminho de Emaús comigo? Procurar, por toda a Bíblia, o que se refere a Jesus, a fim de melhor O conhecer e amar? Faremos este Caminho online, via Zoom, todas as segundas-feiras, das vinte e uma às vinte e duas horas, começando no próximo dia 16 de maio.

Trata-se de uma Oficina de Formação, pois cada um de vós terá a seu lado um bloco de notas, uma caneta e uma Bíblia, e estaremos todos ocupadíssimos durante esta hora online. Os frutos de cada sessão dependerão da participação na sessão anterior e do trabalho desenvolvido ao longo da semana, a partir das passagens bíblicas indicadas. Assim, é necessária inscrição nesta Oficina, para haver um mínimo de garantia de assiduidade e para podermos formar uma “turma” que cresce a partir do mesmo manual – a Bíblia -, uma comunidade que se sente à vontade para partilhar as suas descobertas sessão a sessão.

Em cada sessão, exploraremos a Bíblia de ponta a ponta, a partir de um dos sete temas messiânicos: A Aliança, O Templo, O Cordeiro de Deus, O Pão da Vida e o Vinho da Salvação, O Matrimónio Espiritual, A Bênção e a Maldição, A Filha de Sião. Por fim, e como os discípulos de Emaús, culminaremos na descoberta da Eucaristia: será um mergulho nas palavras que pronunciamos e escutamos ao longo de toda a missa, e a descoberta de que todas estas palavras pertencem às Escrituras, desde a bênção inicial ao envio final.

A melhor formação bíblica que podemos fazer é a leitura diária do missal, seguindo o “plano bíblico” que a Igreja propõe desde há séculos. A fidelidade a esta leitura diária é de uma importância inimaginável para o cristão, e quem a experimenta dá conta dos frutos que ela produz.

Mas quando nos adentramos neste “plano bíblico”, percebemos que, por um lado, nos faltam bases bíblicas para fazer sentido de muitas leituras; e por outro, estas mesmas leituras despertam em nós a vontade de ir mais longe e mais fundo. Foi isso mesmo que me aconteceu, que em tempos me fez escrever os três volumes de Os Mistérios da Fé e que, ao longo dos anos, me levou a aprofundar estes sete temas messiânicos. Com o coração a arder, sinto-me impelida a correr de volta os onze quilómetros de caminho e a partilhar convosco o que me aconteceu. Como os discípulos de Emaús.

Esta formação destina-se, em primeiro lugar, às Famílias de Caná, jovens e adultos a quem o Senhor me encarregou de servir a sua Palavra. Mas está aberta a todos, especialmente aos que têm algum ministério na Igreja: catequistas, leitores, acólitos, ministros da Comunhão, animadores juvenis, etc. Basta fazer a inscrição aqui no site e garantir a sua assiduidade e pontualidade às sessões.

Esta formação tem um início: segunda-feira, dia 16 de maio. Não tem ainda um fim marcado, pois isso dependerá do ritmo de cada Oficina, da facilidade com que manusearmos a Bíblia, da forma como trabalharmos, do entusiasmo que experimentarmos, do conhecimento prévio da Bíblia que já tivermos, ou seja, da “turma” que formarmos. Mas tudo isso será conversado à medida que vamos fazendo caminho.

Alinham? Inscrevam-se aqui e passem a palavra!

Oficina bíblica "O Caminho de Emaús"

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.