Em Caná da Galileia...


Eu sou do meu Amado

Neste tempo de esponsais, em que nós, Famílias de Caná, celebramos o dom do amor de Jesus, debruçado sobre a nossa miséria para nos elevar às alturas do Céu, Maria Madalena surge luminosa como alguém que soube amar, e amar até ao fim. A primeira leitura da sua Festa vem do belíssimo Livro do Cântico dos Cânticos, livro também proposto este mês às Famílias de Caná para sua meditação mensal. E diz assim:

Eis o que diz a esposa: «No meu descanso, durante a noite, procurei aquele que o meu coração ama; procurei-o, mas não pude encontrá-lo. Levantar-me-ei e percorrerei a cidade, pelas ruas e pelas praças, procurando aquele que o meu coração ama. Procurei-o, mas não pude encontrá-lo. Encontraram-me as sentinelas que rondavam a cidade e eu perguntei-lhes: «Vistes porventura aquele que o meu coração ama?» E logo que passei por eles, encontrei aquele que o meu coração ama. (Cant 3, 1-4)

Séculos antes daquela madrugada única em que Maria Madalena correu ao sepulcro em busca de Jesus, o poema de amor por excelência da Bíblia já nos narrava o acontecido com magnífica precisão. Como não ver na Amada a própria Madalena, correndo em busca do Amado, disposta a tudo para O encontrar?

Clarinha a dançar com luz 3

A linguagem de amor esponsal de que Deus se serve ao longo de toda a Bíblia, do Génesis ao Apocalipse, sempre confundiu os “sábios e entendidos” deste mundo, causando escândalo na relação de Jesus e Madalena. Quando nos deixaremos nós também invadir por esta paixão absoluta, inebriante, profunda e avassaladora pelo Senhor, que o mundo nunca entenderá, e que os místicos de todos os tempos exprimiram em poesias e diários orantes? Que o dia de hoje desperte em nós este amor louco, e faça de nós verdadeiros amados de Jesus! Repetindo continuamente “Nós, Jesus”, possamos nós encontrar Aquele que o nosso coração ama…

Como O encontraram estas Irmãs de Jesus Misericordioso, na Polónia (que vivem o carisma de Santa Faustina), cantando e dançando alegremente enquanto esperam os milhares e milhares de jovens para as Jornadas Mundiais da Juventude:

Ámen! Aleluia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.