Em Caná da Galileia...


Uma proposta “viral” :)

Sem escola, sem missa, sem catequese, sem encontros, sem retiros, sem o que é supérfluo e sem o que é essencial, aqui estamos nós, famílias, com os filhos em casa e muito tempo livre. E agora?

No início da quaresma, quando escrevia o ensinamento mensal, eu pensava para mim que surpresa me reservaria Deus desta vez. Nunca parto para a quaresma com um plano definido, porque sei que Deus me irá trocar as voltas. Há muitos anos que não me lembro de uma quaresma sem uma surpresa, daquelas surpresas que eu chamaria “desagradável”, mas que, se Deus escolheu para mim, quem sou eu para recusar? Assim pensava Cornélia Connelly e assim pensava Job (dois santos em quem nos inspiramos nesta quaresma, como partilhei aqui), assim pensaram os santos desde sempre. E assim quero aprender eu a pensar, e por isso vos propus o mesmo desafio. Já leram o Ensinamento Mensal?

Então agora, que Deus nos surpreendeu desta forma, e enquanto cumprimos escrupulosamente todas as instruções de saúde que nos são dadas e que todos conhecemos, aproveito este tempo extra que Deus nos oferece para vos desafiar.

Gostaria que, durante esta quarentena quaresmal, este site se tornasse realmente “viral”, de um vírus muito, muito contagioso. Vamos partilhar, via facebook, whatsapp, etc, o mais possível, o imenso tesouro de Recursos para Catequese Familiar que aqui temos? São tantas, tantas as atividades que, ao longo destes anos, fomos armazenando no site, atividades bem testadas nas nossas casas, atividades quaresmais super-criativas, que é um crime público não as partilharmos!

Gostaria ainda que todas as famílias que costumam beber deste site se empenhassem em criar atividades de catequese familiar e as partilhassem connosco, para enriquecermos ainda mais o tesouro de que dispomos. Tempo não vos falta, vamos lá deitar mãos à obra!

Gostaria, por fim, que criássemos uma forte cadeia de jejum e oração neste site, porque os vírus combatem-se também nesta frente. Quem jejua da Eucaristia, com maior facilidade jejuará do alimento corporal. E sem oração intensa, não nos uniremos a Jesus com a intimidade que Ele deseja de nós. Intensifiquemos, para lá do que planeáramos fazer, o nosso jejum e a nossa oração! Porque não aproveitar a quaresma e a quarentena forçada para iniciar a meditação diária, em família, das três leituras da missa? E a oração do Terço inteiro, com muito tempo para contar as histórias dos Mistérios aos mais novos? Tanto sobre isso aqui no site! Usem as etiquetas certas e pesquisem!

Eu irei fazer o possível por vos ir acompanhando online, com textos mais frequentes e a partilha da nossa vivência familiar. E espero da vossa parte maior abundância de comentários 🙂

Por aqui, o nosso Cantinho de Oração está particularmente bonito. Ontem passámos muito tempo a conversar sobre a afirmação de Jesus proposta no Ensinamento Mensal, e que está em destaque na cortina quaresmal da nossa sala. Que bela catequese familiar se pode fazer a partir de uma única frase!

A todos, continuação de uma santa quaresma, querendo alegremente o que Deus quer! E cada um bem fechado em sua casa e com a sua família, vamos lá todos combater o covid-19 com o vírus da partilha, da oração, do jejum e da alegria! Ámen.

 

5 Comments

  1. Cristina Duarte

    Muito bem!

  2. Excelente proposta!

  3. Oração, muita oração para que nós profissionais de saúde não claudiquemos nas cuidados e assistência aos doentes.
    Estamos a trabalhar com uma enorme pressão, recursos limitados, hospitais cheios e muita gente a precisar…
    Este momento de crise pode ser tempo de fé e forte testemunho.

    • Paula Almeida

      Da minha parte um muito obrigada a si e a todos os profissionais da área da saúde.
      Que Deus vos proteja do vírus e vos mantenha em segurança.

    • Os profissionais de saúde estão sempre nas nossas orações, e agora, mais ainda! Continuaremos a rezar e dar graças a Deus por vós!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *