Via Stellae quase a virar o ano

Estamos a celebrar dez anos de Famílias de Caná. Quanta aventura em tão pouco tempo! Quanta graça de Deus derramada em nossas vidas! Cá em casa, não nos imaginamos sem o Movimento, nem noutro lugar. As Famílias de Caná são – para usar a linguagem bíblica – a nossa tribo. E assim o sentem também várias outras famílias, que connosco têm caminhado ao longo deste tempo. Este ano de aniversário, que começou em setembro, trouxe alguns aprofundamentos ao Movimento. Nesse sentido, apercebemo-nos da necessidade e da importância de reunir as Famílias de Caná comprometidas, ou em vias de se comprometerem,(…)

Ler mais

O nosso compromisso de Família de Caná

Iniciámos a celebração dos dez anos do Movimento com uma meditação aprofundada sobre o que é mesmo isto de sermos Famílias de Caná. A que nos comprometemos nós realmente? Desde o primeiro momento que os nossos retiros e atividades estão abertos a todas as famílias, sem fazer aceção de pessoas, segundo a Palavra de Deus. E assim queremos continuar, servindo, propondo, desafiando, criando materiais, rotinas, ideias de que podem beneficiar todas as famílias que o desejarem. Mas há alguns de nós, cada vez mais, esperamos, que querem ir mais longe, e comprometer-se com o Senhor através da proposta do Movimento,(…)

Ler mais

O nosso retiro de Quaresma

No domingo, em Fátima, estivemos reunidos para o nosso retiro de Quaresma. Estávamos entre Famílias de Caná, mas também entre outros amigos com desejo de caminhar em direção à Páscoa do Senhor. E foi tão bom! O nosso anfitrião, Frei Miguel Patinha, recebeu-nos de novo com alegria, disponibilidade total e grande entusiasmo, fazendo-nos sentir em casa. Rezámos, brincámos, conversámos, matámos saudades, fizemos amigos. O jogo do mata foi, de novo, o grande vencedor entre os mais novos, que encheram de gargalhadas o pátio do convento dominicano. Durante a manhã, o Livro do Êxodo acompanhou o grupo das crianças, o grupo(…)

Ler mais

Abençoados, à chuva

O retiro de Advento e Natal aconteceu ontem, dia 1, em Fátima. E que dia abençoado! Às dez da manhã em ponto, eram várias as famílias que saltavam dos carros e se abraçavam, com os abraços possíveis nestes tempos de pandemia. As crianças, excitadíssimas, começaram de imediato a brincar, reatando as brincadeiras que o final de cada retiro vai interrompendo. É sempre uma alegria, rever os amigos neste ambiente de fé e de festa. Melhor ainda é ir fazendo sempre novos amigos, pois foram três as famílias que, neste encontro, se juntaram a nós. Bem vindos! Passámos a manhã e(…)

Ler mais

Retiro de Advento em Fátima dia 1

O grande dia está mesmo aí! Dia 1 de dezembro, feriado, já Tempo de Advento, teremos o nosso retiro de Advento/Natal em Fátima. Este ano, não queremos esperar por dias mais próximos do Natal, por duas razões: a primeira é que não sabemos como vai ser o Natal em termos de pandemia; a segunda, é que sendo o Natal a um sábado, não temos grande margem para nos reunirmos por essa altura. Assim, vamos aproveitar a entrada no Advento para o nosso costumado e tão esperado encontro em Fátima. Quem alinha? O retiro é para todos os que gostam de(…)

Ler mais

Dos ramos às raízes: um ADeus e um recomeço

Há um ano, a Natércia e o Martinho faziam aqui connosco o seu compromisso Famílias de Caná, durante a Eucaristia diária, e depois de rezarmos juntos longamente no Cantinho de Caná. Recordo as palavras divertidas do senhor padre que presidiu à Eucaristia, e que teve, assim, a surpresa de ouvir os dois a ler com voz firme o texto do nosso compromisso (texto disponível aqui no site). “Ena, tanta coisa!” Dizia ele, falando a sério a brincar. “Não acham que bastava algo mais simples? Isso é um programa completo de vida!” A Natércia tinha a resposta pronta: “É um compromisso(…)

Ler mais

Mais uma bela Família de Caná!

A nossa missão na Suíça, em Zurique, há ano e meio, já deu frutos: no sábado, na missa vespertina, tivemos o compromisso Família de Caná da Natércia e do Martinho, os queridos amigos que conhecemos na altura. Que dia tão bonito! De férias em Portugal, a Natércia e o Martinho não queriam perder a oportunidade de fazer o seu compromisso. A ideia inicial seria fazê-lo no Acampamento, rodeados de mais Famílias de Caná, mas nessa altura, já ambos estarão de volta ao trabalho na Suíça. Depois pensámos: cada Família de Caná tem o seu tempo, o seu percurso, o seu(…)

Ler mais

Domingo XIII do Tempo Comum, ano C

Reflexão semanal, escrita pela Teresa, sobre as leituras da missa do domingo seguinte, publicadas no jornal diocesano Correio do Vouga TODOS TEMOS UMA HISTÓRIA, COMO ELISEU Domingo, dia do Senhor. Na missa de hoje, seremos de novo convocados a ser discípulos. A seguir o Mestre. A deixar tudo sem olhar para trás. O Livro dos Reis conta-nos, entre muitas outras, as histórias dos profetas Elias e Eliseu, fascinantes no que têm de determinação, risco, fé, milagres e aventuras. Neste domingo, escutamos como Elias chamou Eliseu, “que andava a lavrar com doze juntas de bois”, para fazer dele profeta. A simplicidade(…)

Ler mais

Uma família cristã normal

Durante estes cinquenta dias de Páscoa, lemos em família, como certamente todas as Famílias de Caná fizeram, os Atos dos Apóstolos, dia após dia. As leituras do missal, na verdade, percorrem este livro numa sequência magnífica, deixando muito pouco de fora, e culminando no Fogo do Pentecostes (não deixem de ler os artigos que tanto nós, como a família Miranda Santos publicámos sobre as nossas vivências familiares com este Fogo e este Sopro!) Um dos vários detalhes que nos ficou desta leitura dos Atos em tempo pascal foram frases como estas: Depois de ter sido batizada, bem como os de(…)

Ler mais