Testemunhos


Um sopro de Deus

Testemunho da Elisabete Almeida

Querida Teresa e querido Niall,

aceitamos o desafio da Isabel e do alto da nossa pequenez enviamos este e-mail.

Antes de mais os nossos mais sinceros parabéns à Teresa. Damos graças pela sua vida hoje!

Dizer-vos, então, que embora não “pertençamos formalmente” às famílias de Caná, a vossa vida (e testemunho) é um sopro de Deus na nossa.

Convosco construímos o nosso cantinho de oração em casa.

E começamos a rezar todos os dias em família.

Começamos a preocupar-nos mais com o educar para a santidade, para os valores e para o ser.

Começamos a perceber melhor o que significa que “toda a educação é ideológica” e que, se nós pais católicos, não educarmos para Deus, o mundo encarrega-se de educar para muitas outras coisas.

Convosco, começamos a perceber melhor que não há motivos para faltar à missa de domingo, nem mesmo um bebé recém-nascido, como acreditávamos com a nossa primeira filha.

Começamos a perceber melhor que, apesar das muitas solicitações que já temos – trabalho e família- com amor e firmeza no sim à nossa missão, também pode haver tempo para a paróquia e, assim, tornamo-nos catequistas.

Convosco, percebemos, sobretudo, que educar para o Céu, é a tarefa mais nobre que podemos ter nos nossos dias. Todos os dias. Um de cada vez.

Muito obrigada!

Um beijinho e um abraço,

Elisabete e André

6 Comments

  1. Isabel Marantes

    Querida Elisabete,
    Que alegria ver o vosso testemunho!
    Parabéns pela linda família e pelo caminho que, juntos, escolheram percorrer…
    Vocês já são uma bela Família de Caná!
    Isabel

    • Elisabete Almeida

      Querida Isabel,obrigada pelas palavras. E obrigada pelo desafio e pelo vosso testemunho. Tenho lido,maravilhada,o que vai partilhando! 🙂

      P.s.Pelas fotos que vi da sua familia,tenho a impressão que nos conhecemos (período anterior a 2005,no Porto :),mas certamente um dia teremos oportunidade de presencialmente nos (re)vermos 🙂
      Beijinhos

      • Isabel Marantes

        Sim, Elisabete, eu também acho que nos conhecemos de algum lado! Mas, como me começa a acontecer frequentemente, não sei de onde…
        Temos de investigar!
        Um beijinho,
        Isabel

  2. Há uns anos, o André decidiu fazer uma surpresa à Elisabete: trazê-la aqui a nossa casa, para nos conhecer, já que a Elisabete passava o tempo a falar de uma tal família católica… Vieram, fizemos um lanche juntos, rezámos juntos, as crianças (na altura, só uma da sua parte) brincaram juntas. Foi muito bom! Fica o desafio para outras famílias!

    • Elisabete Almeida

      Em boa verdade,a surpresa foi mesmo o meu presente de Natal (dos melhores que já recebi 🙂 Obrigada querida família Power.
      Um beijinho

    • André Barbosa

      A surpresa, como a Elisabete disse, foi a prenda de natal dela nesse ano. Mal imaginava eu que o presente já não seria apenas dela, mas estendido a toda a família 🙂 e que seria um presente que continua presente, porque o vosso testemunho continua a nos interpelar todos os dias e a nos impulsionar para um caminho de missão vivido em missão! Obrigado!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *