Testemunhos


O mistério da Alegria

Testemunho da Sónia Santos

Quando rezo os mistérios da Alegria interrogo-me sempre sobre esta estranha alegria que a Igreja nos convida a contemplar. Dou-me conta de como a alegria nasce sempre depois ou envolta de uma grande angústia ou turbulência. Do medo que decorre do desconhecido, do que não podemos antecipar, do que Deus não nos conta quando nos pede alguma coisa. Sinais de Deus? Certezas? Passos seguros? Confiança? Providência divina? Quanta tentação pode existir no escrutínio da vontade de Deus para nós…

Há 9 anos atrás preparávamos a celebração do nosso Matrimónio e a boda. Para a boda havia a ideia de encontrar uma espécie de imaginário que desse o mote à festa, à decoração, ao ambiente exterior e interior. Nós escolhemos a imagem do filme UP-altamente.

Entre tantas outras coisas interessantes deste filme, desta história de uma vida inteira, feita das suas alegrias, sonhos, desilusões, determinações, quedas e ressurgimentos, e que imaginávamos importantes para a vida que íamos a partir dali dar início, há um pormenor que me surgiu da memória longínqua num destes últimos dias ao contemplar o céu visto da janela do quarto de internamento do serviço de obstetrícia do hospital São Francisco Xavier.

“Povoar o Céu”, esta foi a determinação do casal Martin a partir da sua descoberta sobre a mais profunda vocação do matrimónio. É interessante cruzar estes dois olhares, o de Santa Zélia Martin e o de “Ellie”. Olhares virados para o céu, enraizados na mesma alegria, entusiasmo, radicalidade jovial de quem está disposto a tudo, a dar tudo de si, de quem não se contenta com mínimos, quando pode (deseja) dar o máximo. Esta alegria…!!!

(Para quem não conhece a história…)

A Alegria da Graça na anunciação: quanto espanto, quanto desconhecido e apesar disso: sim!

A Alegria que torna o passo apressado montes e vales adiante para levar Jesus, na visitação. Quanta inquietação, quantos anseios pela chegada? Quanto desejo de servir!

A Alegria maior de Maria com o seu recém nascido nos braços!! Não há nada que se compare a esta comunhão entre o céu e a terra, entre a Criação de Deus e a sua concretização através de nós. Naquele momento estamos dispostos a tudo, haja o que houver: portas fechadas ou uma maternidade hostil com os seus procedimentos fechados, um bendito curral aquecido pela simplicidade dos animais ou uma equipa de enfermeiras da maior competência e serenidade que já vi. A dor, o desconhecido, as trevas e a Alegria, o alívio, a luz, finalmente, a Luz!

Vida adiante, a apresentação no templo e a profecia de Simeão, a perda e o encontro com o seu filho Jesus que ali lhe relembra o propósito real da sua vida, “as coisas do seu Pai”. Quantas interrogações, quanto mistério? Quanto silêncio no coração de Maria…

O silêncio de Maria perante os sinais de Deus… Sinais nada claros, nada consoladores: “uma espada trespassará a tua alma” e Maria persiste, silenciosamente naquela Alegria que só uma graça tão especial como a que Deus lhe concedeu pode permitir. A Alegria verdadeira, fecunda, constante, apesar de nada lhe ser revelado sobre o que viria a acontecer!

Sim, nem a Maria, Deus revelou uma ínfima parte do que viria a acontecer na sua vida. Fez-lhe uma proposta, ela disse “sim” e daí em diante se algum sinal teve não foi nada muito animador! Mas Deus, no seu imenso mistério garantiu-lhe em cada passo a Graça da Fé, da perseverança, da Alegria que lhe permitiu percorrer o caminho longo até à ressurreição!

Como Maria, não ouso fazer muitas perguntas ou exigências a Deus sobre o que está para lá da curva. Creio que o que Ele deseja revelar, incentivar, pedir, o faz também silenciosamente no nosso coração, muitas vezes enquanto a razão e as nossas elaborações mentais dormem. Perante as grandes decisões da vida sei que Deus providenciar não significa facilitar.

Confio antes que Deus não me abandonará nas tribulações e dificuldades. Agora de que forma é que Ele faz isso, é um mistério… E pode ser com maiores ou menores sacrifícios e provações. Devo arriscar, tomar decisões arrojadas, desde que ponderadas e de mangas arregaçadas para os sacrifícios inerentes, crente naquela Alegria e Esperança que vem de Deus e que me alimentará e alentará. Isso é confiar na providência divina.

Talvez Deus aja mais por confirmação, do que por antecipação. Nove anos depois daquela primeira imagem sugestiva de um céu povoado por filhos nossos (que nos passou completamente ao lado!!), volto a contemplar essa cena no céu diante da minha janela. O Joaquim é o nosso quinto filho, nasceu no sábado de madrugada e trouxe consigo esta… Confirmação do caminho percorrido?

Obrigada Maria pela tua imensa sabedoria.

Obrigada São José por seres também inspiração para a nossa família através do meu marido, que no meio da turbulência, vislumbra com clareza aquilo que eu já sinto e pressinto, por vezes com dúvidas, e nos leva à acção e a pôr pés ao caminho com firmeza e coragem.

O mistério da Alegria na vida de Maria termina na glória da Assunção ao Céu.
Um novo bebé numa família, que alarga a sua tenda para acolher uma nova vida, renova o mistério inteiro dessa família. Quantas alegrias escondidas se irão revelar. Nossa Senhora, Mãe de cada um de nós, leva contigo todos os nossos sonhos e anseios até Deus Pai. Que nunca nos falte a Alegria! E que mantenhamos sempre aceso o desejo pelo Céu.

11 Comments

  1. Pilar Pereira

    Muitos parabéns pelo nascimento do Joaquim e muito obrigada por este testemunho, tão rico e inspirador!

  2. Rogério Tavares Ribeiro

    Parabéns família Santos pelo vosso filho recém nascido!

  3. Helena Atalaia

    Querida família Santos, muitos parabéns pelo nascimento do Joaquim! Que continuem, com a graça de Deus, a povoar o Céu! Beijinho e abraço muito amigo de toda a nossa família.

  4. Isabel Marantes

    Parabéns, Sónia e João, pelo doce Joaquim e por povoardes a Terra e o Céu com o vosso firme testemunho e com os vossos lindíssimos frutos!
    Um abraço muito grande de todos nós!

    • Muitos parabéns, saúde e felicidade para toda a família Santos. Que Deus abençoe a chegada do Joaquim.

      E muitos parabéns pelo texto tão bonito e sentido.

      Um abraço da família Lopes Silva

  5. Muitos parabéns pelo nascimento do Joaquim e pela família linda e inspiradora! Estela e Luís

  6. Foi sim toda a envolvência, leia-se Graça, do terceiro mistério gozoso – a espera, o silêncio, os falsos alarmes, as incertezas, a confiança como única saída – que foi vivida, experienciada por quem está de fora mas que deseja ardentemente ser próxima. Entretanto, a cadência dia dias continua… E o que veio a ser a véspera do Nascimento foi dia de aniversário de do Nascimento do pai. Ocupou-me escolher como celebrar… Estar próxima, ser próxima, simplesmente ficar, como se diz em África, para o que desse e viesse… foi o presente que, com a graça de Deus e o encorajamento de quem é o meu próximo, me vi chamada a dar. E assim aconteceu.

  7. Parabéns família Santos!

  8. Muito obrigada a cada um pelos desejos sinceros que dedicam à nossa família! O Joaquim agradece também, sereno e tranquilo no seu descanso de recém-nascido!
    Um grande beijinho

  9. Carmina Cardoso

    Caros Sónia e João,
    Muitos parabéns pelo Joaquim. Damos graças por ele e por toda a família.
    Deus permita que cada um dos vossos filhos se revele a confirmação do caminho que percorreram e que têm pela frente.
    Que Maria seja sempre amparo e fortaleza e queda alegria que sentem não se acabe nunca!
    Obrigada pelo lindo testemunho Sónia.
    Bem hajam
    Deus vos guarde.

  10. Muitos Parabéns.
    Que Deus vos guarde!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *