“Maravilharmo-nos” com cada membro da Família: uma proposta

Testemunho e proposta da Isabel Marantes: O ensinamento mensal de dezembro falava em contemplarmos o rosto de Jesus no rosto dos nossos filhos, fazendo assim, da nossa casa, um Presépio. Também o  Papa Francisco, no passado dia 30 de Dezembro, na Festa da Sagrada Família, durante a oração do Angelus, nos convidou a aprender a maravilharmo-nos com as coisas boas que os membros da nossa família têm: “Quando existem problemas nas famílias, nós sempre achamos que temos razão e fechamos as portas aos outros”, lamentou. Entretanto, “é necessário pensar o que a outra pessoa tem de bom e se maravilhar.(…)

Ler mais

Celebrar a Festa da Sagrada Família … com atividades em família!

  Estamos a poucos dias de terminar o ano 2018 e de iniciar um novo ano civil … É uma óptima altura para (re)avaliarmos a nossa vida, para discernirmos com clareza quais as áreas nas nossas vidas que precisam duma mudança – vida na paróquia, atividades de serviço e de evangelização, emprego, hobbies, amigos … mas especialmente em relação à nossa família. É também uma boa altura para sonhar (bem alto, até ao Céu!) e para fazer planos … não apenas aqueles planos grandes e (quase) impossíveis; mas planos pequeninos, concretos, realizáveis, que mudem o nosso coração no quotidiano do dia(…)

Ler mais

Jogo Recriando o Natal em família

Acharam que o Bingo de Natal das Famílias de Caná não era suficiente para encher de alegria o tempo em família que querem dedicar neste Natal? Querem mais jogos em família? Oh, que bom!   Temos uma nova sugestão de actividade/jogo em família, muito versátil, divertido e adaptável a diferentes idades (desde o mais pequenino ao mais velhinho!), inspirado num jogo que encontrámos no pinterest, que adaptámos e que agora partilhamos convosco.   Jogo – Recriando o Natal Jogo muito versátil, que permite várias atividades em família relacionadas com o tempo do Natal. Na versão a preto e branco pode usar-se(…)

Ler mais

Bispo de Bragança-Miranda Os “recasados” não estão excomungados, “eles são Igreja”

O bispo da Diocese de Bragança-Miranda acaba de publicar uma nota pastoral intitulada “A alegria e a fragilidade do Amor no Matrimónio e na Família”. O documento estabelece orientações com vista a uma maior integração eclesial dos cristãos divorciados a viver em nova união. No fundo, trata-se de uma “aplicação do capítulo VIII” da Exortação Apostólica Pós-Sinodal do Papa Francisco “Amoris Laetitia”, publicada em 2016, em que é proposto um caminho de “discernimento” para os católicos divorciados que voltaram a casar civilmente, sublinhando que não existe uma solução única para estas situações. “O Papa não faz a catalogação das famílias,(…)

Ler mais

Sínodo: D. Joaquim Mendes propõe Igreja «família» como resposta a sentimento de «orfandade» dos jovens

O bispo português D. Joaquim Mendes disse, esta quarta-feira, dia 17,  no Sínodo dos Bispos que só uma “Igreja-família” é capaz de dar resposta aos anseios dos jovens, assinalando que muitos se sentem “órfãos”, na sociedade atual. “Há um sentimento de orfandade em muitos jovens. São numerosos os que nasceram e cresceram numa família desestruturada, que não sabem o que é uma família, que foram abandonados, que não foram amados”, referiu o presidente da Comissão Episcopal do Laicado e Família (CELF), na intervenção que proferiu durante a 14ª reunião geral da assembleia sinodal, dedicada às novas gerações. A intervenção, enviada(…)

Ler mais