Eventos anteriores


À chuva, ao encontro do Esposo!

O retiro de domingo foi maravilhoso. Mesmo. Deus é grande, e nunca Se deixa vencer em generosidade! Tivemos dez famílias, cheias de energia e muita alegria para partilhar. Começámos por invadir o santuário para a missa dominical. E que bom que é, começar o dia à volta do altar! A homilia do senhor padre Zé Fernandes foi muito forte, muito marcante, muito incómoda – mesmo ao jeito de Jesus. Obrigada, senhor padre! Depois da missa, tempo para café, bolinhos e alguns jogos divertidos em grande grupo. “Vamos fazer outra vez o jogo do patinho!” Pediam pequenos e grandes. Sim, fazemos!(…)

Ler mais

Trabalho de equipa

No Acampamento de Caná não passamos o tempo a rezar e a brincar. Também trabalhamos! Ou não fossem as nossas Oficinas um belíssimo momento de trabalho de equipa! Este ano, foram duas as Oficinas: uma orientada pela Isabel Marantes, a outra pela Clarinha. As oito famílias repartiram-se entre uma e outra, e depois trocaram. Enquanto trabalhávamos, íamos conversando, rindo, partilhando, ajudando-nos uns aos outros. Quando os mais novos se cansavam – porque alguns eram mesmo muito novos… – brincavam por ali, indo e vindo sem pressão. No final, criámos belas obras de arte! A Família Marantes ensinou-nos a fazer terços(…)

Ler mais

Deus por entre as tendas

Os Acampamentos de Caná são férias, mas férias com Deus pelo meio. Estamos acampados um pouco ao jeito do povo de Israel no deserto: por entre as nossas tendas, caminha o Senhor, qual coluna de nuvem ou de fogo. E como o povo de Israel, também nós temos no centro do acampamento a “Tenda da Reunião”, o Canto de Caná, a que os mais pequeninos chamavam “aquela cabana de madeira”. Foi pois em ritmo bem marcado de oração que vivemos estes dias. No centro, a missa diária. E que missa! Crianças, bebés, adolescentes, pais e mães, famílias completas diante do(…)

Ler mais

Amigos para sempre

Os meus filhos sonham com o Acampamento de Caná durante o ano inteiro. Não, não é um exagero, é a pura verdade. Neste momento, já estão a pedir para o próximo acampamento ser mais longo – e quem sabe não lhes fazemos a vontade? Uma das suas maiores alegrias é o reencontro de “velhos” amigos, uma amizade quase tão “velha” quanto eles próprios, no caso dos mais novos. E a alegria logo seguinte é a descoberta de novos amigos, quando as inscrições dizem que o acampamento vai ter famílias que desconhecemos. Se isto é verdade para as crianças, é-o também(…)

Ler mais

Um retiro muito especial

O retiro aqui no santuário no último fim-de-semana foi mesmo especial. Mesmo. Especial. Começou a ser especial logo pela imensa dificuldade que encontrámos na sua preparação: escrever ensinamentos para dois dias de retiro, com o Daniel cada dia mais desperto e exigente não é, de todo, tarefa fácil! Sexta-feira à noite ainda não tinha conseguido fazer os PowerPoints para acompanhar os ensinamentos, e o cansaço acumulava-se… Acontece que eu já conheço os sinais: se o retiro vai mexer mais a sério com as pessoas, também sofre mais ataques na sua preparação, como é natural. Assim, respirei fundo e entreguei tudo(…)

Ler mais

O belo retiro familiar de sábado

No passado sábado, o dia começou cedo, mas não foi preciso acordar ninguém como nos dias de escola: em dia de retiro, a alegria e o entusiasmo são geralmente suficientes para fazer todos saltar da cama! Foram cerca de quarenta, as pessoas que vieram de algumas paróquias da região de Penacova, para fazer retiro connosco. Vinham com a família completa, ou vinham apenas a avó com os netos, a mãe com os filhos e, nalguns casos, a catequista com os catequisandos. Vinham de coração aberto e muita curiosidade. A este grupo, juntou-se a querida leitora deste site Catarina Tomás com(…)

Ler mais

Em missão, mas sempre em casa

No sábado passado, dia 6 de outubro, retomámos as nossas Missões de Caná, como lhes chamamos, fazendo-nos novamente à estrada. Têm estado atentos à nossa agenda missionária, consultando os Eventos, para descobrir onde nos podem encontrar? Desta vez, a estrada levou-nos ao Barreiro, bastante longe de casa, à paróquia de Palhais, entregue aos passionistas. Que belo dia passámos! O Senhor, na sua misericórdia, permitiu-nos uma pausa na virose que há uns dias afetava filho após filho, para só ser retomada no domingo de manhã, já em casa 🙂 Como sempre, antes da viagem pensámos em forma de associar um divertido Tempo(…)

Ler mais

E o retiro foi assim…

No domingo dia 16, a Eucaristia das dez no Santuário Nacional de Nossa Senhora Auxiliadora foi particularmente concorrida: é que à nossa paróquia juntaram-se Famílias de Caná e outras famílias do país inteiro, dando início ao seu retiro Família Martin, Farol de Santidade. Que grande alegria a nossa, poder fazer este retiro agora! No fim da Eucaristia, juntámo-nos na quinta, em redor do Canto de Caná, para um momento lúdico de convívio e apresentações, com uma sessão de aquecimento físico organizado pela Clara e pelo Francisco e com a ajuda de alguns novelos de lã… Depois, as crianças e os(…)

Ler mais

O II Acampamento de Caná foi assim…

Sexta-feira de madrugada, pelas seis da manhã, o António, de oito anos, abriu a porta do nosso quarto e chegou junto de nós: “Mãe, já posso ir de bicicleta para a quinta do Canto de Caná? Queria ir preparando as minhas coisas para o Acampamento.” De facto, a excitação era tão grande, que não sei como é que ele e os irmãos conseguiram sequer dormir durante a noite. Segundo nos contaram as outras famílias, não foi só na nossa casa esta animação. Há semanas que as crianças de Caná andavam a planear o grande evento do ano, com tanto ou(…)

Ler mais

Famílias aprendendo a ser discípulas

Sábado foi um dia feliz. Nossa Senhora deu-nos o sol e trouxe-nos as famílias, para podermos viver um dia de retiro em cheio. E assim foi. Éramos vinte e seis adultos, vinte e cinco crianças e cinco jovens, desejosos de nos encontrarmos, de rezar, brincar, cantar e celebrar juntos. O senhor bispo apareceu logo de manhã e presenteou-nos com dois belíssimos ensinamentos sobre ser discípulo, a partir do Evangelho de S. Marcos. Estaremos nós a seguir Jesus prontamente, como fizeram os Apóstolos? Seremos capazes de deixar a capa e correr atrás do Senhor, como Bartimeu? Ainda hesitamos? O que nos(…)

Ler mais