Uma Festa de Catequese Mariana

Esta atividade de evangelização foi-nos proposta pela Marisa Milhano, Jovem de Caná: “Como fazer uma Festa de Catequese com um tema Mariano?   Gostava de partilhar convosco a nossa Festa de início de ano da Catequese, deste ano 2018-2019. Ela decorreu num belíssimo dia de sol e portanto pudemos, pela graça de Deus, realizar a nossa Festa, que envolveu todos os volumes de catequese (eram mais de 100 crianças e jovens!), no descampado à frente da nossa paróquia. Escolhemos como dia para a Festa sábado, dia 13 de Outubro e, por isso, claro que o tema da nossa Festa só podia ser Nossa Senhora ….(…)

Ler mais

Brincar é coisa séria!

Vivemos tempos sérios, hoje em dia. Gostamos que nos convidem para coisas sérias e importantes, que valham a pena e rendam qualquer coisa. Assim, se a atividade de catequese for séria e obrigatória, com direito a faltas, as crianças e os pais vão aparecendo. Mas se a atividade for um magusto, com direito a jogos e sujidade, então não é séria nem obrigatória, e nem crianças, nem pais aparecem. Haverá algo mais sério na infância do que brincar? Haverá algo mais sério na vida de pais do que brincar com os seus filhos? Época de testes… Estudo atrasado… Demasiadas Atividades(…)

Ler mais

Creio na vida eterna?

Grupo de crismandos. Sentados em círculo, conversam com o Niall sobre o tema de Os Mistérios da Fé proposto para a sessão de catequese. No meio da conversa, um comentário de um jovem faz o Niall hesitar, e acabar por perguntar: “Não acreditas na vida eterna?” Silêncio. O Niall pergunta de novo, desta vez de forma geral: “Há aqui alguém que não acredite na vida eterna? Se houver, por favor levante o braço.” Com duas ou três exceções, todos os braços se levantam. O Niall fica sem saber o que fazer ou dizer a partir deste ponto. Ele está a(…)

Ler mais

Caderneta de cromos para aprender a rezar o Pai Nosso

Como ensinar na catequese a oração do Pai Nosso, duma maneira divertida e apelativa para as crianças?  Esta atividade é proposta da Marisa Milhano, Jovem de Caná: “Foi na tentativa de resolver este problema que um dia me lembrei de criar uma caderneta de cromos, que os ajudasse a aprender melhor a oração do Pai Nosso. Esta actividade foi pensada para as crianças do 2º volume da catequese (crianças com 7-8anos), mas revelou-se ser igualmente eficaz e estimulante para crianças mais pequenas e também mais velhas. Esta ideia pode também ser posta em prática em casa, como uma actividade em família.(…)

Ler mais

E se…? Algumas propostas para a catequese em Portugal

Tenho vindo a escrever vários artigos criticando aquilo que hoje existe em termos de catequese paroquial. E conversando aqui em casa com o Niall, concluímos que não basta denunciar: é preciso propor. Porque o modelo de catequese que temos em Portugal não é imposto pelo Vaticano nem é dogma católico, variando e muito de país para país, o que nos permite testar novos modelos e procurar soluções criativas. Eu sei que as nossas ideias não têm qualquer peso de decisão, mas se elas levarem outros a refletir e puderem provocar algum debate nas paróquias, já valeu a pena… Aqui vai:(…)

Ler mais